2º Prêmio
Policiais Federais
de Jornalismo

REGULAMENTO   INSCRIÇÕES

2º Prêmio
Policiais Federais
de Jornalismo

REGULAMENTOINSCRIÇÕES

O Prêmio

Descrição do prêmio

Rádio

Reportagens publicadas em programas de rádio ou podcast

TV

Reportagens publicadas em programas de televisão em canais abertos ou fechados

Impressos

Reportagens publicadas em veículos de comunicação impressos, jornais ou revistas

Webjornalismo

Reportagens publicadas na internet, portais de notícias, blogs ou redes sociais

Fotojornalismo

Produção ou série fotográfica publicada na internet ou veículos impressos

Categoria Geral

Será escolhido o vencedor geral do 2º Prêmio Policiais Federais

Etapas

Inscrições online (01/10 a 30/10/2017), Avaliação pela banca técnica composta por jornalistas, especialistas em segurança pública e policiais federais (01/11/2017 a 10/11/2017), Divulgação dos finalistas (10/11/2017) e Coquetel de entrega dos resultados (22/11/2017)
Inscrições 03/08 a 03/09/2018
Avaliação por banca técnica 17/09 a 16/10/2018
Divulgação dos finalistas 22/10/2018
Avaliação por policiais federais 11/11 a 21/11/2017
Premiação 22/11/2018

Regulamento

  1. O PRÊMIO

2° PRÊMIO POLICIAIS FEDERAIS DE JORNALISMO será regido pelo presente Regulamento.
Esse prêmio é de organização e uma iniciativa da Federação Nacional dos Policiais Federais (Fenapef) e do Sindicato dos Policiais Federais no Distrito Federal (SINDIPOL/DF).

  1. INSCRIÇÃO

2.1. A inscrição implica na aceitação do presente Regulamento.

2.2. Podem concorrer artigos, reportagens, séries de reportagens e fotografias de autoria de um ou mais profissionais jornalistas, veiculadas em jornais, revistas, portais de internet, rádio e TV, versando exclusivamente sobre Segurança Pública, tornados públicos entre 30 de outubro de 2017 e 31 de julho de 2018.

2.2.1. As inscrições serão abertas em 3 de agosto de 2018 e encerradas às 23h59 do dia 3 de setembro de 2018.

2.3. A inscrição será realizada através de formulário online disponível no endereço www.premiopoliciaisfederais.com.br.

2.4. As matérias, reportagens ou fotografias, deverão ser necessariamente editadas em português, publicadas em veículos brasileiros, com sede no Brasil.

2.5. Cada profissional poderá inscrever o máximo de 3 (três) trabalhos. É imprescindível que o nome do veículo, a data de veiculação, local de veiculação e o nome do autor ou dos autores sejam fornecidos no formulário de inscrição.

2.6. Não serão aceitos trabalhos sem assinatura ou identificados de forma incompleta, conforme as especificações deste regulamento. A saber, os arquivos digitais devem estar visíveis o nome do veículo, a data da veiculação e, no caso de fotos, o crédito ao seu autor.

2.7. Serão considerados os trabalhos que contenham elementos de informação jornalística e inspiração técnica ou artística, sendo imprescindível a sua publicação em veículo impresso, internet, programa de televisão ou rádio.

2.8. Os trabalhos inscritos poderão ser objeto de reprodução, no todo ou em parte, em iniciativas de responsabilidade dos patrocinadores do 2° PRÊMIO POLICIAIS FEDERAIS DE JORNALISMO, tais como peças promocionais, livros, revistas, folhetos, vídeos, filmes, sites, catálogos e exposições onde predomine o caráter informativo/cultural, com a finalidade de exaltar o trabalho jornalístico, independentemente de qualquer licença, remuneração ou pagamento ao seu autor ou autores, excetuados os casos de premiação estabelecidos neste Regulamento, sendo obrigatória, contudo, menção à autoria.

2.9. Não compete aos organizadores do 2° PRÊMIO POLICIAIS FEDERAIS DE JORNALISMO emitir juízo de valor sobre os trabalhos submetidos à apreciação das comissões de julgamento ou que por elas tenham sido distinguidos.

2.10. Caberá exclusivamente ao(s) autor(es) do(s) trabalho(s) inscrito(s) a responsabilidade perante terceiros decorrente do seu conteúdo.

2.11. Não serão consideradas informações posteriores às constantes do ato de inscrição.

  1. FORMATO DOS TRABALHOS

3.1 Especificações dos trabalhos a serem enviados, tais como tamanho, conteúdo e informações adicionais, estão descritas no formulário de inscrição disponível no endereço www.premiopoliciaisfederais.com.br.

3.2. Não serão abertas exceções de nenhuma natureza para trabalhos que não se encaixarem nas especificações descritas no formulário de inscrição.

  1. JULGAMENTO

4.1. O julgamento dos trabalhos será realizado em duas etapas.

4.1.1. Na primeira etapa, a Comissão de Seleção, composta por profissionais de comunicação, fotografia e especialistas em Segurança Pública, irá ler e avaliar, com notas de 5 a 10 os trabalhos inscritos.

4.1.2. Os trabalhos que obtiverem maior pontuação serão considerados finalistas. Sendo um total de 15 matérias, três de cada categoria.

4.1.3. Havendo empate, serão submetidas a nova votação em segundo turno pela Comissão de Seleção.

4.1.4. A Comissão de Seleção indicará três nomes para concorrerem ao 2° PRÊMIO POLICIAIS FEDERAIS DE JORNALISMO. A divulgação dos finalistas será em 19 de outubro de 2018, disponível no www.premiopoliciaisfederais.com.br.

4.2. Na segunda etapa, todos os trabalhos inscritos serão avaliados, por meio de votação online entre os policiais federais associados ao Sindicato dos Policiais Federais no Distrito Federal (SINDIPOL/DF e a FENAPEF). O vencedor de cada categoria será aquele que atingir o maior número de votos.

4.2.1. A divulgação dos trabalhos vencedores será feita durante coquetel comemorativo em 22 de novembro de 2018.

  1. PREMIAÇÃO

5.1. Os trabalhos vencedores receberão a seguinte premiação líquida:

PRÊMIO POLICIAIS FEDERAIS DE JORNALISMO R$ 10.000,00
PRÊMIO POLICIAIS FEDERAIS DE FOTOJORNALISMO R$ 2.000,00
PRÊMIO POLICIAIS FEDERAIS DE TV R$ 2.000,00
PRÊMIO POLICIAIS FEDERAIS DE RÁDIO R$ 2.000,00
PRÊMIO POLICIAIS FEDERAIS DE IMPRESSO R$ 2.000,00
PRÊMIO POLICIAIS FEDERAIS DE WEBJORNALISMO R$ 2.000,00

5.2. Os prêmios são pessoais e intransferíveis, e incluem ainda um troféu e um certificado alusivo à premiação.

5.3. No caso dos trabalhos vencedores terem mais de um autor, permanecerá o mesmo critério de premiação individual, ou seja, prêmio pecuniário e diploma únicos, sendo o diploma emitido em nome da “Equipe” ou em nome de um de seus integrantes, se assim for solicitado, seguido da expressão “e Equipe”. A importância relativa à premiação será destinada ao vencedor individual ou ao autor responsável pela inscrição do trabalho.

5.4. O PRÊMIO POLICIAIS FEDERAIS DE JORNALISMO será conferido pela Comissão de Seleção ao trabalho de maior qualidade dentre todos os finalistas nas diferentes categorias que são Fotojornalismo, Webjornalismo, Rádio, TV e Impresso.

Brasília, 3 de agosto de 2018.

COMISSÃO ORGANIZADORA
2º Prêmio Policiais Federais de Jornalismo

Este Prêmio é idealizado e organizado por

 

Federação Nacional dos Policiais Federais - FENAPEF Sindicato dos Policiais Federais no Distrito Federal - SINDIPOL/DF

 

Dúvidas? Envie um e-mail para [email protected] ou ligue para (61) 3223-4903